Que sabor tem a vida para você – Doce ou Amarga?

Que sabor tem a vida para você?  

Se tem algum sabor, sem dúvida alguma é sabor de chocolate.

Se o chocolate é o sabor, logo chocolate é vida.

Se tem sabor adocicado, não precisamos de chocolate, não é mesmo?

Se não precisamos de chocolate, a vida acaba de mudar de sabor.

 Mas se a vida mudou de sabor, que sabor afinal tem a vida?

Se fosse para uma criança responder, sem dúvida ela diria,

Que o verdadeiro sabor da vida, é doce como o algodão doce.

Mas se perguntar para um adulto,

Pode responder ter sabor amargo, mas e o doce tão falado?

Doce ou amargo, o importante é ter sabor.

Porque a vida pode ter vários sabores, e tudo só depende de você.

Há quem diga que os sabores da vida, não são doce nem amargo.

Para estas pessoas a vida ainda não tem sabor de nada.

Mas tudo é uma questão de esperar.

Porque um dia a vida há de mostrar.

Se enxergar o sabor da vida colorido.

“Ela” terá mais vida do que ela mesma imagina.

Verde, azul, vermelho, laranja, todas as cores formam os sabores.

Da vida de quem enxerga o sabor da vida.

Quando eu era criança, o sabor era bem doce.

Quando eu me tornei adulta, conheci outros sabores, mas sempre preferi sentir o doce da vida.

Porque a escolha dos sabores que iremos sentir.

É a escolha que iremos levar para o resto de nossa vida

E quando eu envelhecer, levarei todos os sabores comigo, mas o doce que eu conheci e cultivei, este sim levarei por toda minha eternidade.

Que sempre possamos sentir os sabores mais doces da nossa vida e desfrutar de uma vida mais colorida, mais leve e mas saborosa. Se aparecer um sabor amargo, acrescente uma pitada de doce e seja feliz.

Fonte imagens: https://pixabay.com/

Siga-nos 🙂

Razões para se amar – descubra dentro de você!

Sempre acreditei que só podemos oferecer o que temos e com o amor não é diferente. Como vamos dar alegria, senão a temos? Como vamos ensinar alguém sobre um assunto, se também não temos conhecimento? Como vamos perdoar, se não sabemos por onde começar? Como vamos dar amor, se nunca nos amamos? A fórmula é simples, só é possível oferecer o que temos.

E algumas situações me fizeram refletir sobre as razões para se amar em primeiro lugar. Vou listar algumas:

Screen Shot 2017-04-26 at 11.45.27 AM

1 – Se você se ama, você é feliz;

2 – Se você se ama, você se cuida;

3 – Se você se ama, você supera as dificuldades com êxito;

4 – Se você se ama, você tem sucesso;

5 – Se você se ama, você passa a sua energia positiva para todos;

6 – Se você se ama, você sempre está sorrindo;

7 – Se você se ama, você sonha com um mundo melhor;

8 – Se você se ama, você não tem medo de enfrentar a vida;

9 – Se você se ama, você tem amigos verdadeiros;

10 – Se você se ama, você nunca se sente só;

11 – Se você se ama, você respeita o outro;

12 – Se você se ama, você se valoriza;

13 – Se você se ama, você ama viver.

É claro que poderia passar um dia inteiro listando razões para se amar em primeiro lugar, mas me faltariam páginas em branco, porque quando o assunto é amar-se, é infindável as possibilidades de construção de uma vida muito mais leve e feliz.

Conheço muitas pessoas que passam os dias de sua vida se inferiorizando, se lamentando, se sentindo feia, criando desculpas para tudo, se criticando, se iludindo, destruindo lares, invejando o outro, sem amigos, sem sonhos..Pessoas que perdem a própria vida por falta de amor próprio. E falando em perder a própria vida, queria fazer um paralelo sobre a série “Thirteen Reasons Why” (Por 13 razões), que conta a história de uma adolescente que comete um suicídio e antes de fazê-lo registra em 13 fitas as 13 razões pelas quais se matou. O meu intuito não é contar sobre à série, mas sim fazer uma reflexão sobre as razões que poderiam levar pessoas a tirarem a própria vida. E se existem 13 razões para desistir, existem sim outras 13 para se viver!

Screen Shot 2017-04-26 at 11.46.09 AM

O que dizem é que a culpa é da depressão, da falta de carinho da família, da falta de autoestima, da falta de dinheiro, e acredito que todos estes fatores podem sim potencializar uma falta de amor profunda e levar a uma tragédia, mas não acredito que “eles” são culpados sozinhos. Sou da teoria que se você se ama, você não abre as portas para que estes mal intencionados tomem conta da sua vida. Se você se ama, você procura ajuda, se você se ama, você luta pela sua vida até que a sua última gota de suor exista.

E qual é o segredo para que consigamos nos amar? Para mim são pequenas ações, que feitas diariamente, permitem que o amor próprio seja alimentado e repassado para todos ao nosso redor, como:

1 – Acordar todos os dias e agradecer pela vida;

2 – Se olhar no espelho e dizer: eu me amo;

3 – Vestir uma roupa que te faça se sentir bem;

4 – Colocar cor na sua vida – na roupa, na maquiagem;

5 – Escutar músicas alegres;

6 – Meditar, rezar, orar – da sua maneira respirar e se tranquilizar;

7 – Fazer tudo o que tiver vontade de fazer – se realizar;

8 – Dar bom dia, boa tarde, boa noite para todos que cruzarem o seu caminho;

9 – Sorrir sempre;

10 – Ser gentil;

11 – Se perdoar pelos seus erros;

12 – Não se criticar tanto;

13 – Comer coisas gostosas.

Sim, quando nos amamos atraímos o amor e mais do que isto, somos capazes de amar o próximo. O amor é capaz de curar, de perdoar, de capacitar, de nos fazer flutuar, de renovar. Que o mundo tenha mais amor e menos dor.

O amor gera amor!

Siga-nos 🙂