Hormônios a flor da pele – não tente nos entender!

Era uma vez uma sementinha que cresceu e se tornou uma linda e amável mulher. Ops! Tudo bem, nem sempre somos tão amáveis assim, mas acreditem a culpa não é nossa. A culpa são dos hormônios que piram com a nossa magnitude de mulher e deixam enlouquecidos todos ao nosso redor. “Hormônios a flor da pele – não tente nos entender!” Vou tentar explicar um pouco e provar que na verdade, somos inocentes!

Tudo começou no dia em que nascemos, lindas, maravilhosas, prontas para brilhar, mas com umas “coisinhas” dentro de nós, que são verdadeiros mistérios, e que um dia foram chamados de “hormônios femininos”. Ahhhh…a partir dai, nós mulheres fomos eternamente resguardadas e nos tornamos “as intocáveis”, ” as invencíveis”, afinal quem consegue explicar o que se passa dentro do corpo da mulher?

Vamos à conceituação: hormônio – substância química específica fabricada pelo sistema endócrino ou por neurônios altamente especializados.

Se os tais hormônios são “produzidos por neurônios altamente especializados”, quem somos nós para tentar compreendê-los, né? Aí é que são cometidos os mais graves erros, entender a mulher, é desvendar um mundo loucamente desconhecido e cheio de “surpresas”. Muitos tentaram, e até hoje poucos conseguiram.

Funciona mais ou menos assim. Um belo dia acordamos cantarolando, felizes, nos sentindo a mulher mais especial do universo, colocamos uma linda roupa, planejamos ir ao cinema, tomar sorvete, e como uma mágica, pronto, começamos a chorar, nos sentir a mulher mais esquisita do mundo, gorda, chata, queremos ficar em casa e a vontade de fugir para as montanhas, é enorme. Quando esta variação de humor acontece e estamos “sozinhas”, tudo bem, nos resolvemos e fica tudo certo. Mas o problema é quando esta variação de humor ocorre quando estamos perto de alguém, aí, tudo se agrava, afinal, como explicar o inexplicável? É bem interessante e engraçado, porque todo mundo tem algo a dizer a respeito, como: “ahh..certeza que ela está no período fértil”, “tadinha, está sem namorar a tanto tempo que fica assim”, “mulher maluca, uma hora está sorrindo e depois chorando”, “ela precisa ir a um psicólogo”, “está ovulando, certeza”. Mas no final das contas, acho que todas as tentativas de explicação para nos entender são válidas, porque estes hormônios que mexem conosco e nos tornam tão misteriosas, são uma incógnita ainda não descoberta pela humanidade.

Sorrindo, chorando, pensando, correndo, andando, somos mulheres, que convivem com estas “coisinhas” inexplicáveis dentro de nós, mas que mesmo assim, somos capazes de superar estas variações emocionais e nos fazer presentes na sociedade, sendo mães, esposas, profissionais, amigas, companheiras, parceiras, filhas…uma infinidade de papéis em um corpo só.

Felizes os que compreendem que, o melhor a se fazer é não tentar nos entender!

Fonte imagens: https://pixabay.com

Siga-nos 🙂

Karla Constantino

Mulher, mãe, bailarina, aventureira, amante por viagens, louca por novos desafios e apaixonada pela vida!

2 comentários em “Hormônios a flor da pele – não tente nos entender!

  • 1 de junho de 2017 em 20:02
    Permalink

    Por isso Karla que nós mulheres somos tão especial,esses hormônios nos fazem diferentes dos homens e nós tornam irresistível eles podem até reclamar mais não vivem sem nós. Kkkkkk

    Resposta
    • 2 de junho de 2017 em 09:26
      Permalink

      Sim!! Somos mulheres, cheia de hormônios rs, mas lindas e prontas para este mundão!!! 😉

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *